sexta-feira, 11 de setembro de 2015

Há cenas um bocado tristes

(isto é dar pérolas a porcos, é o que é)


 

Aproveitei a ausência do meu amor e decidi surpreender os miúdos com um jantar tipo fast-food, em frente à televisão. Hambúrgueres com batatas-fritas! Uma espécie de jantar no restaurante no palhaço, mas à moda da Rita. Bom… quem não tem cão caça com gato, certo? As batatas fritas eram daquelas congeladas que se podem fazer no forno, que sempre é mais saudável. Mas pus sal e acompanhei com um pratinho de maionese, a loucura total. E os hambúrgueres vinham numas embalagens todas catitas que se põem directamente no micro-ondas, tal e qual os verdadeiros. Até havia Ice-tea, que é coisa rara nesta casa. Vá… coisa inexistente.

Estava toda orgulhosa da minha surpresa, preparada em segredo. Admito que estava desejosa de ver a reacção deles. Quando chegaram à sala ficaram perplexos. Em vez de se atirarem ao meu pescoço com agradecimentos efusivos e grandes declarações de amor, como qualquer filho amoroso teria feito, perguntaram-me o que se passava. Se estava bem. Que nunca me tinham visto comer “porcarias”. Que diabo se passava comigo. Se aquilo era mesmo a sério. O Diogo sacou do iCoiso para fazer um snapshot a dizer que eu devia estar com falta de ideias. Falta de imaginação culinária, entenda-se.

Cena triste, pá. Fiquei mesmo desiludida, porcaria dos miúdos. Só tive vontade de lhes atirar com os hambúrgueres quentes em cima. Esta noite vão comer peixe cozido com todos para ver se aprendem a dar valor à mãezinha que têm…

4 comentários:

  1. Uma mãe esforça-se, vai contra os seus princípios e leva esta paga?! Estou solidária...mas confesso que tenho saudades de ter traumas como este, depois de ouvir há pouco os desabafos (tristes) da minha filha sobre a sua vida profissional... É levarem com bróculos e peixinho cozido todos os dias!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah, Mariana... eu não tenho quaisquer ilusões! Percebo perfeitamente o que quer dizer. Filhos criados, trabalhos dobrados, não é assim que se diz? Coragem!

      Eliminar
  2. Chateia mas não leves a sério. Teem todos os seus momentos de "pobres e mal agradecidos". Vai piorando com a idade. Mas não podemos viver sem eles :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Gostei principalmente do "vai piorando com a idade", Paula! Vocês hoje estão aqui para me enterrarem ainda mais, já percebi... ;)

      Eliminar